quinta-feira, 30 de junho de 2011

O Espelho

- O que você vê quando se olha no espelho?
Essa pergunta desafiadora não sai da minha mente. Estou pensando e tentando entender o sentido de tudo isso. Fiquei até com medo de olhar no espelho. Temo o que posso encontrar quando ficar cara a cara comigo mesma. Quem sou eu realmente?
O rosto pode decifrar os nossos mistérios e revelar os segredos mais íntimos. Olhar no espelho é descobrir-se a cada dia, encará-lo é uma experiência quase espiritual.
Quando encaro o espelho é como se eu saísse do corpo, aquela imagem refletida sofre um distanciamento e fica paralisada, como se estivesse observando quem está do outro lado, a situação se inverte. É o espelho que nos observa. É a nossa alma, o nosso verdadeiro eu que se revela e pergunta:
- Você não está me vendo aqui?
Não adianta quebrar os espelhos, isso não liberta a nossa alma e nem responde a pergunta. Temos que encará-la, por mais assustador que isso seja.
É assustador descobrir que se está vivendo sem alma, sem respeito e verdade para consigo e que sua vida pode ter sido uma sucessão de farsas mal representadas. Um teatro.
A verdade está lá no espelho. Seja o quadrado quebrado de um banheiro imundo ou o formato ovalado de uma delicada penteadeira no camarim de alguma dama, lá está ele.
Nossa máquina da verdade particular. A verdadeira face.
O encontro do corpo com a alma.
O espelho. Foto: stock.xchng por Spanishale.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...